As Escalas que vamos escolher

No que toca ao modelismo ferroviário em escala, uma das preocupações imediatas, para quem quer construir uma maquete, é saber a escala que vai aplicar. Existem várias que se adaptam perfeitamente ao espaço que temos disponível para a feitura dessa mesma maquete. Se tivermos um espaço bastante grande, podemos escolher escalas, onde predomina a escala H0, de longe a mais usada e também a que dispõe mais oferta no que toca a equipamentos de via e no material circulante que nela vai circular. Qunado temos espaços menmos generosos, aplicam-se escalas mais reduzida, como por exemplo a N, mais conhecida e também com oferta abundante, mas menos um pouco que a H0.

Também se pode considerar aquelas situações em que o modelista é mais colecionador e os modelos que adquire, são para estarem sempre em exposição estática e portanto, não circulam em maquete e nessas situações, são admitidas várias escalas, porque arrecadadas num espaço sempre diferente, como por exemplo em estantes de vitrines, aplicadas em mobiliário ou de parede.

peco

Em baixo, vamos listar as escalas mais importantes e que devemos conhecer:

G

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:22,5 e a via apresenta-se com uma bitola de 45 mm (Gm), tendo como referência a bitola métrica estreita de 1000 mm. Esta escala é apresentada apenas pelo fabricante LGB. Esta escala, também corresponde ao modelo real em 1:22,5 e a via apresenta-se, então diferente, com uma bitola de 32 mm (Ge), tendo como referência a bitola de via estreita de 700 mm.

1

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:32 e a via apresenta-se com uma bitola de 45 mm, tendo como referência a bitola real UIC Standard de 1435 mm, usada praticamente em toda a Europa e nos países mais importantes, dos outros continentes.

O

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:45 e a via apresenta-se com uma bitola de 32 mm, tendo como referência a bitola real UIC Standard de 1435 mm, usada praticamente em toda a Europa e nos países mais importantes, dos outros continentes.

É uma escala que se pode considerar, a nível de custo como cara e a oferta também é escassa.

H0

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:87 e a via apresenta-se com uma bitola de 16,5 mm, tendo como referência a bitola real UIC Standard de 1435 mm, usada praticamente em toda a Europa e nos países mais importantes, dos outros continentes.

É a escala mais importante de todas as que existem e existe uma oferta muito abundante, seja na via e seus acessórios, seja no material circulante.

H0m

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:87 e a via apresenta-se com uma bitola de 12 mm, tendo como referência a via métrica ou estreita de 1000 mm no mundo real.

H0e ou H0-9

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:87 e a via apresenta-se com uma bitola de 9 mm, tendo como referência a via estreita de 750 mm no mundo real.

N

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:160 e a via apresenta-se com uma bitola de 9 mm, tendo como referência a bitola real UIC Standard de 1435 mm, usada praticamente em toda a Europa e nos países mais importantes, dos outros continentes.

É a segunda escala mais importante de todas as que existem (só superada pela H0) e existe uma oferta muito abundante, seja na via e seus acessórios, seja no material circulante.

Z

Esta escala corresponde ao modelo real em 1:220 e a via apresenta-se com uma bitola de 6,5 mm, tendo como referência a bitola real UIC Standard de 1435 mm, usada praticamente em toda a Europa e nos países mais importantes, dos ouros continentes.

Relação Escala Bitola Padrão Bitola Real
1:5,5 X 260 mm
1:8 VII 184 mm  
1:11 V 127 mm  
1:16 III 89 mm  
1:22,5 II 64 mm  
1:22,5 G 45 mm 1000 mm
1:22,5 Ge 32 mm 700 mm
1:32 1 45 mm 1435 mm
1:45 0 32 mm 1435 mm
1:64 S 22,5 mm  
1:76 00 16,5 mm  
1:87 16,5 mm 1435 mm
1:87 H0m 12 mm 1000 mm
1:87 H0e / H0-9 9 mm 750 mm
1:120 TT 12 mm  
1:160 N 9 mm 1435 mm
1:220 Z 6,5 mm 1435 mm

 

About luis

Check Also

Modélisme Ferroviaire – Production des Fabricants – 04 – Wagons

Dans cet article, nous présentons une liste des modèles produits aux échelles les plus variées, …