REFER – Estações Ferroviárias de Lisboa e Porto (como deveria ser)

Neste pequeno estudo, e mais uma vez, damos esta sugestão à REFER, que se ela quiser, de modo fácil e imediato pode ser acolhida e seria a forma correcta de identificarmos as estações que ficam dentro dos limites das cidades. Sabemos que esta alteração pode nascer por parte da REFER, para depois o IMT aprovar através da documentação técnica e legislação em vigor.

Devemos pensar que nem todas as pessoas conhecem na perfeição a rede ferroviária portuguesa e por isso, urge identificar as nossas estações com as designações correctas, que segundo o nosso parecer, hoje ainda estão incorrectamente identificadas (cf IET 50) a nível da rede ferroviária nacional. Estamos a referir-nos a estações e apeadeiros que ficam dentro dos limites das cidades de Lisboa, Porto, Coimbra, Aveiro, Braga, Setúbal, Faro, Vila Nova de Gaia e Tavira.

Dando um exemplo, uma vez na estação da Régua, um passageiro cliente da CP a bordo de um comboio referia para outro companheiro de viagem, que pensava que a estação de Contumil ficava nos arredores da cidade do Porto e dizia para o amigo e para nós, que se Contumil fosse uma estação da cidade do Porto, seria identificada de igual modo como Porto São Bento e Porto Campanhã, mas como só estava e ainda está, só Contumil, para ele não fazia parte da cidade do Porto, como realmente faz.

Assim, e se a REFER quiser, pode seguir este nosso conselho e em placas nas plataformas e mais importante, a CP e outros operadores nos seus horários, deveriam colocar sempre antes da estação “ou apeadeiro” em causa, o nome da respectiva cidade, como por exemplo lá fora acontece, na Alemanha e outros países.

Vejamos então:

Lisboa

Para a cidade de Lisboa (ver mapa em baixo) temos todas estas estações e apeadeiros, ou seja, deixa-se de se conhecer como agora se refere, por exemplo estação de Braço de Prata, ou Campolide, ou ainda Belém, como Lisboa Braço de Prata, Lisboa Campolide ou Lisboa Belém, como já acontece e correctamente com Lisboa Santa Apolónia ou Lisboa Rossio, por exemplo. Para uma melhor identificação e adição de um código de duas letras, podem ser usadas as que estão no mesmo mapa em baixo.

y5

Porto

Em relação ao Porto, hoje as estações e apeadeiros são menores, em virtude de terem sido desclassificadas e transformadas para a Metro do Porto, as antigas estações e apeadeiros da Linha de via estreita da Póvoa. Sendo assim, hoje temos 3 estações e para tudo ficar correcto, basta só passar a designar a estação de Contumil, como Porto Contumil, como se pode verificar no mapa em baixo.

y5a

No caso de outras cidades do país, temos os seguintes exemplos:

Coimbra

Na cidade de Coimbra, a atual estação de Coimbra-B devia ser designada de Coimbra Choupal e a estação nova, conhecida como Coimbra ou Coimbra-A, devia ser Coimbra Portagem. Mas a manter-se como está, CA identificaria a atual estação de Coimbra e CB identificaria a atual estação de Coimbra-B.

Aveiro

Para Aveiro, a atual estação de Aveiro teria que ter um nome associado, para se juntar a Aveiro Esgueira. No caso da principal estação seria Aveiro Central, ou Aveiro Avenida, ou outro nome.

Braga

Para Braga, a atual estação seria Braga Maximinos e Ferreiros, que fica já dentro da cidade, seria Braga Ferreiros.

Setúbal

No caso de Setúbal ainda é mais flagrante, temos uma estação, Setúbal e um apeadeiro, conhecido só como Praça do Quebedo. Quem ouvir falar neste último nome, não sabe onde esta artéria pertence, qual a cidade onde está, será Covilhã, será Viana do Castelo ou Lisboa, não é, é em Setúbal, porque não se coloca correctamente Setúbal Praça do Quebedo e a estação principal, seria Setúbal Bonfim por exemplo, visto que o estádio dos sadinos, um ícone da cidade está a poucas centenas de metros da estação.

Faro

No caso de Faro, temos a estação de Faro e o apeadeiro de Bom João, seria correctamente Faro Ria Formosa (porque ao lado da estação) e Faro Bom João.

Vila Nova de Gaia

Aqui também o caso é parecido com o de Setúbal, temos Vila Nova de Gaia (e não só Gaia como muitos dizem) e General Torres (nome de uma rua da cidade), portanto, teriamos Vila Nova de Gaia Devesas (como sempre foi conhecida) e Vila Nova de Gaia General Torres.

Tavira

Neste caso, teremos Tavira Santiago para a atual estação de Tavira e o apeadeiro de Porta Nova, dentro dos limites da cidade, seria Tavira Porta Nova.

About luis

Check Also

L’histoire des logos ferroviaires

Logos Ferroviaires Pays Logo Logo Logo Logo Logo