Home / Rail Transport / Infraestrutura / Sous-Stations / Sous-station de Traction dans le Réseau Ferroviaire du Portugal

Sous-station de Traction dans le Réseau Ferroviaire du Portugal

Os Caminhos de ferro em Portugal, encontram-se já em grande medida, completamente eletrificados numa corrente moderna e eficiente, mais rigorosamente em corrente alterna monofásica na tensão de 25 kV 50 Hz, em toda a rede, faltando poucas linhas e ramais por eletrificar, com exceção da Linha de Cascais, que está eletrificada desde o início do século XX em corrente continua e na tensão de 1500 V.

Neste artigo apresenta-se a lista de todas as subestações de Tracção que alimentam as catenárias, em todo o país.

A energia elétrica que chega ás subestações de tracção é fornecida pela

e as Subestações de Tração (SST) foram e são propriedade e património da

SST Linha ou Ramal Entrada ao Serviço Tensão Zona Neutra km Início Alimentação km Zona Neutra km Fim Alimentada pela
FATELA L Beira Baixa Alcains 105,385 74,461 Caria 179,846
GOUVEIA L Beira Alta Oliveirinha 106, 075 72,965 Vila Franca das Naves 179,040
IRIVO L Douro São Martinho do Campo 19,800
MORTÁGUA L Beira Alta Pampilhosa 51,450 54,625 Oliveirinha 106,075
RODÃO L Beira Baixa Belver 29,300 Alcains 105,385
SALREU L Norte Curia 242,455 Aguda 322,500
SOBRAL L Beira Alta Vila Franca das Naves 179,040 Caria 179,846 (LBB)
TRAVAGEM L Minho São Frutuoso 13,555 Nine 41,460
VILA FRIA L Minho 2019 Nine 41,460 32,440 Vila Fria 73.900

About Luis Moreira